25.9.06

Eu nunca senti isso antes
Assim como não sinto agora
Não sei quando vou sentir
Minha vida insiste em seguir

Cada passo em direção do nada
Caminhos que sigo sem razão
Apesar de não saber porque ando
Me alimento em continuar sonhando

Eu só queria amar...
Eu só queria sorrir...
Fazer cada minuto acontecer
Ser especial
Sentir pulsar, sentir viver...

Olho para o mundo em volta
Tudo repleto de ação
Mas quando olho para mim
Tudo é parado, tudo é fim

Um comentário:

Bibs disse...

Caracas ! Parabens Mary !

Hum... Pq num lança um livro ?! =P

Bjo !